notícias

  • Vídeo Caminhos Santiago - SIPE Santarém

    Vídeo da ação de formação promovida pelo SIPE, Secretariado Regional de Santarém.

     

    Professores e Educadores à descoberta dos Caminhos de Santiago.

     

    Secretariado Regional de Santarém do SIPE - Sempre em Movimento!
     

    Ambiente formativo inesquecível!

    O vídeo fala por si! Agradece-se a todos os envolvidos! 

     

     

     

     

    ler artigo
  • SIPE LANÇA PETIÇÃO - TEMPO DE SERVIÇO IGUAL, SITUAÇÃO IGUAL E ESCALÃO IGUAL

    PETIÇÃO: TEMPO DE SERVIÇO IGUAL, SITUAÇÃO IGUAL  E  ESCALÃO IGUAL

     

      Assina a Petição 

     

    Os estatutos de carreira regulamentam a relação laboral de profissionais de várias áreas consideradas estratégicas para o país, como são o caso dos profissionais de segurança, da saúde, da justiça ou do ensino, com o estado, garantindo que as mesmas são executadas de acordo com regras claras e objetivas, defendendo os direitos dos profissionais, mas também garantindo a qualidade e rigor no serviço prestado a toda a população.

    São ainda garante e exemplo de uma relação laboral saudável, clara e justa entre a maior entidade empregadora nacional e os seus trabalhadores. O estatuto da carreira docente evoluiu, muitas vezes de forma desfavorável aos docentes, mas continua a ser válido e portanto, obrigatoriamente, tem de ser respeitado por profissionais e entidade empregadora. Nos últimos anos vimos atropelos e interpretações diversas que ao abrigo da lei do Orçamento de Estado ou de outra legislação avulsa conduziu a uma carreira docente descaracterizada e muito menos justa do que o ECD previa. Para além de questões óbvias como as condições de trabalho, a definição de componente letiva, reforma, etc., tivemos a questão do congelamento de carreiras nestes anos que, antes de mais, impede de todo o direito inerente ao próprio estatuto de aceder ao topo da carreira.

    Enquanto segue em sede negocial com o Ministério a recuperação do tempo de serviço referente aos períodos em que houve congelamento, vemo-nos agora confrontados com uma proposta de nova portaria do ME onde se regulamenta o reposicionamento na carreira dos docentes que vincularam durante o período de 2011 a 2017, último congelamento. O que se espera? O posicionamento destes docentes é mais que justo  sem dúvida alguma, mas sem que se criem situações injustas perante os docentes que ingressaram na carreira anteriormente.

    Fruto de vários regimes de transição e de alterações ao próprio estatuto, feitas avulso e sem outra intenção que não a penalização financeira dos docentes, temos hoje situações em que o posicionamento dos docentes não corresponde ao número de anos que efetivamente têm para efeitos de carreira, como facilmente se constatou agora no período em que decorreu o recenseamento. Mais ainda, encontram-se assimetrias muito penalizadoras para muitos docentes fruto das referidas transições, existindo casos de docentes que por meros dias acabam por sofrer um atraso nas suas progressões de quase dois anos.

    Quando confrontamos a situação atual desses docentes com a situação que decorrerá do projeto de portaria para os docentes que vincularam entre 2011 e 2017, verificamos que daí decorrem situações altamente injustas que resultam em ultrapassagens, ou seja, docentes que tendo o mesmo tempo de carreira se posicionarão em escalões diferentes, fruto apenas e somente, do regime legal que subsiste ao seu ingresso na carreira.

    A posição atual do ME é, no nosso entender, injusta e ilegal e pela nossa parte, se for mantida, levará a um movimento generalizado de revolta pelos docentes estando o SIPE desde já disponível para encetar uma luta por todos os meios possíveis, inclusive ao nível dos tribunais. Até à data, apesar da nossa tentativa de diálogo construtivo, o ME não se tem mostrado aberto ou sensível ao problema, preferindo refugiar-se numa figura jurídica que, supostamente lhes dá cobertura legal, baseando-se na ideia de que as condições de ingresso na carreira seriam diferentes, em momentos diferentes, o que justificaria não reposicionar os docentes que entraram na carreira anteriormente. Esta situação é de todo inaceitável pois ela decorre de uma escolha atual, uma clara escolha de criar injustiças e situações diferentes para docentes com carreiras semelhantes.

    Assim, o SIPE propõe:
    Negociação de uma portaria única que regulamente o reposicionamento de todos os docentes, quer os que ingressaram na carreira entre 2011 a 2017, quer os que já se encontravam em carreira, de acordo com o previsto no ECD em vigor, numa lógica única e justa de para os mesmos anos de carreira corresponda um posicionamento de carreira igual, salvo as situações que decorram das bonificações por ADD ou mestrado/doutoramento.

    Autor:
    SIPE - Sindicato Independente de Professores e Educadores

      Assina a Petição 

     

    ler artigo

concursos

  • Já saiu a 17ª Reserva de Recrutamento 2019

    Décima Sétima Reserva de Recrutamento 2018/2019   Publicitação das listas definitivas de Colocação, Não Colocação, Retirados e Lista de Colocação Administrativa 17ª Reserva de Recrutamento 2018/2019. Aplicação da aceitação disponível das 00:00 horas do dia 21 de janeiro, até às 23:59 horas do dia 22 de janeiro de 2019 (hora de Portugal continental).   Consulta: SIGRHE – aceitação da colocação pelo candidato Nota informativa Listas Qualquer dúvida contacta o SIPE mais perto de TI.
    mais informação

Formações

  • FANTOCHES, MARIONETAS E CABEÇUDOS: FERRAMENTAS DE COMUNICAÇÃO NO MUNDO DAS CRIANÇAS - Porto

    Específica Conteúdos •    Planificação das diversas fases da estruturação de um trabalho; •    Construção de formas tridimensionais tendo em conta a sua estrutura;  •    Relação forma/função e identificação dos elementos que definem ou caracterizam uma forma; •    Utilizar de forma consciente a mistura de certas cores, valorizando o seu poder expressivo; •    Exercícios corporais para manipulação dos bonecos e criação de um espaço cénico;  •    Apresentação dos trabalhos de dramatização com os bonecos realizados e avaliação.   
    mais informação
  • Storyboard para Apoio às Disciplinas

    Datas: 24 de maio (17h30 - 20h30), 25 de maio (09h00 - 13h00 e 14h00 - 17h00), 1 e 8 de junho (09h00 - 13h00 e 14h00 - 17h30)
    mais informação
  • DIDÁTICA DA MATEMÁTICA E METAS CURRICULARES DO ENSINO BÁSICO (Específica) - Porto

    mais informação
  • Vila Nova da Barquinha-DOM PAPEL: REUTILIZAR E INOVAR

    mais informação
  • PROFESSORES À DESCOBERTA DOS CAMINHOS DE SANTIAGO

    O Preço é estabelecido de acordo com o nº de inscrições, os locais de alojamento e alimentação. A combinar com a organização e os participantes na 1ª sessão.   Informações adicionais com o Secretariado de Barcelos do SIPE Tel.: 253812196 Telm: 938064824 email: SIPEBARCELOS@SIPE.PT   Vê o vídeo da formação organizada pelos formadores desta ação e o Secretariado do SIPE de Santarém        
    mais informação
  • CAMINHOS DE SANTIAGO - Póvoa de Varzim

    Data a definir.
    mais informação
  • Técnicas de Expressão, Aquecimento, Descontração da Voz e Comunicação Oral - Lisboa

    Objetivos • Dotar cada formando de uma melhor aplicação do seu aparelho vocal na comunicação que estabelece oralmente no contacto com os alunos; • Desinibir e desbloquear tensões no ato comunicativo oral que impedem a explicação de matérias ou até mesmo a imposição de regras Conteúdos: • Reconhecimento da Voz Interior e Exterior; • O Gesto como complemento da Voz; • O Ritmo; • O Foco; • A Técnica; • A locução e a dicção; • Debate final. Datas: 25Jan(18h-21h) / 26JAN(9h30-17h30) / 2 e 9 FEV(9h30-18h00)      
    mais informação
  • REGIME JURÍDICO DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA - CULTURA ESCOLAR PARA A EQUIDADE - POMBAL

    mais informação
  • Fantoches, Marionetas e Cabeçudos: Ferramentas de comunicação no mundo das crianças

    A iniciar logo que haja 15 formandos  
    mais informação
  • Papagaios de Papel, a voar é que a gente se entende (grupos 100 e 110)

    A iniciar logo que haja 15 inscritos
    mais informação
  • Supervisão Pedagógica: uma estratégia para melhorar processos de ensino aprendizagem - Baião

    mais informação
  • Cinema de Animação como Estratégia Didático-Pedagógica

    A iniciar logo que haja, no mínimo, 15 formandos  
    mais informação
  • AUTONOMIA E FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR

    Objetivos: Refletir a flexibilização curricular como alicerce para o desenvolvimento das Aprendizagens Essenciais em articulação com o Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. Valorizar o papel das escolas e dos professores na gestão do currículo. Capacitar para soluções organizativas e pedagógicas adequadas ao projeto específico de cada comunidade. Promover o trabalho docente sustentado em práticas colaborativas. Promover a implementação de práticas pedagógicas, com os alunos, promotoras do sucesso escolar. Diversificar e adequar práticas de avaliação das aprendizagens. Potenciar aprendizagens a partir dos dados da avaliação externa. Promover a implementação de práticas que contribuam para a vivência da cidadania democrática na escola. Partilhar práticas no âmbito do projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular.  
    mais informação
  • COMPREENDER A EDUCAÇÃO INCLUSIVA: SISTEMATIZAR PRÁTICAS DE INCLUSÃO - Vila Real

    Data: 12 de janeiro de 2019, sábados   Local:  Agrupamento de Escolas Miguel Torga - Escola Sede Vila Real   Conteúdos A articulação pedagógica do professor da Educação Regular com o professor da Educação Inclusiva; Estratégias e modelos pedagógicos que facilitam o desenvolvimento de uma escola inclusiva; Desenho Universal para a aprendizagem; O trabalho em equipa multidisciplinar.  
    mais informação
  • O Jogo na Educação Inclusiva (e-Learning) - Trofa | Stº Tirso

    mais informação
  • Rope Skipping Uma nova modalidade desportiva na escola

    mais informação

SIPE TV

Caminhos Santiago - SIPE Santarém

Momentos da Manifestação de 5 de outubro de 2018

A Manifestação de 5 outubro 2018 na Comunicação Social

SIPE - Viana do Castelo, Valença e Ponte de Lima

Concentração no Porto 13 de julho 2018

Entrevistas Manifestação 19 maio 2018

Seminário Comunidades de Aprendizagem - Abertura

Intervenção Júlia Azevedo Manifestação 19 maio 2018